Comando orienta aprovação de acordo sobre Covid-19, negociado com BB

O Comando Nacional dos Bancários e o Banco do Brasil se reuniram no dia 2 deste mês de março para negociar a renovação do Acordo Coletivo de Trabalho Emergencial (pandemia de Covid-19). O acordo prevê, por exemplo, anistia de 10% do saldo total de horas negativas a compensar no prazo de 18 meses. E o BB assumiu compromisso em não descomissionar por desempenho, enquanto durar a pandemia.

O acordo em vigência venceria no dia 31 de dezembro de 2020, mas foi estendido em função de liminar concedida pelo Supremo Tribunal Federal (STF), que prorrogou o Estado de Calamidade Pública. O acordo, a ser renovado, terá validade até o final da pandemia. E será submetido em assembleia dos funcionários, a ser realizada pelo Sindicato em breve. O Comando orienta aprovação do acordo.

Compensação: O BB informou que existem 3.500 funcionários com horas negativas a compensar. Dentre eles, 2.600 têm mais de 200 horas.

Fonte: Contraf-CUT

Compartilhe:
Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email
Share on telegram
Telegram
Share on print
Imprimir